Lista de medicamentos manipulados mais vendidos entre 2018 e 2019

Entre os 20 princípios ativos mais presentes em receitas manipuladas, oito são substâncias que agem diretamente para a perda de peso.

Os brasileiros são campeões entre os habitantes da América Latina no consumo de medicamentos emagrecedores. Responsáveis por 12% das vendas de medicamentos emagrecedores na região, a mulher desponta como a principal consumidora (84%), segundo estudo realizado pela Nielsen Holding, empresa que faz pesquisa de consumo.

O brasileiro tem buscado bastante a manipulação de fórmulas para emagrecer, conforme levantamento da 99formulas, startup que intermedia o contato entre pacientes e farmácias de manipulação, a partir da análise de 3,5 mil receitas médicas emitidas entre outubro de 2018 e fevereiro de 2019:

Dos 20 princípios ativos mais presentes nas receitas submetidas ao app, oito são substâncias que agem diretamente para a perda de peso. Há, ainda, duas substâncias classificadas na categoria de diuréticos/laxantes e outra duas na de suplementos, que também são utilizados em fórmulas para emagrecimento, somando, então, 12 dos 20 principais princípios ativos.

Em primeiro lugar na lista dos buscados mais especificamente para a função de emagrecer está o orlistate (utilizado para a absorção de gordura), seguido do topiramato (controle do apetite), famotidina (melhora das funções do estômago), cáscara sagrada (fitoterápilco laxativo), faseolamina (inibidor de absorção de amido), cassiolamina (inibição de absorção de gordura), morosil (usado para reduzir triglicerideos, que melhoraria o funcionamento do organismo com a promessa de ser um “seca barriga”, a garcinia (que ajudaria na queima de caloria).

Lista dos medicamentos mais manipulados entre outubro de 2018 e fevereiro de 2019:

1-ORLISTATE (emagrecedor)

2-BUPROPIONA (antidepressivo)

3-TOPIRAMATO (anticonvulsivante)

4-FAMOTIDINA ( atua contra úlceras gástricas)

5-CÁSCARA – SAGRADA ( fitoterápico)

6- FLUOXETINA (antidepressivo)

7- BIOTINA ( suplemento vitamínico)

8- FUROSEMIDA ( diurético)

9- FASEOLAMINA ( emagrecedor )

10- CASSIOLAMINA (emagrecedor)

11- ALOÍNA ( fitoterápico)

12- ALFA BISABOLOL ( fItoterápico)

13- COENZIMA Q10 ( suplemento alimentar)

14- MOROSIL ( fitoterápico indicado para perda de peso)

15- GARCINIA (fitoterápico)

A busca pelo manipulado acontece porque é possível ajustar a fórmula e colocar vários componentes em um composto só, além de ajustar a dose de modo mais individualizado, relata Silmara Spinelli, farmacêutica em São Paulo.

Mesmo ocupando todo esse espaço entre as fórmulas de manipulação, para a médica Loana Heuko Valiati, que trabalha com metabologia e fisiologia, com atuação em medicina preventiva, buscar remédio para emagrecer deve ser algo apenas para último caso, para tratar alguma disfunção específica que esteja impedindo o paciente de emagrecer.

Ela defende que a maioria dos casos de sobrepeso deva ser tratada com mudanças de hábitos:

“O paciente que está obeso, está comendo por ansiedade, está com o sono desordenado, não está fazendo atividade física. Não tem como indicar uma fórmula para ele se esses hábitos de vida não forem alterados”, sustenta a médica Loana Heuko Valiati.

Ela afirma que medicações específicas para emagrecimento podem alcançar um efeito mais rápido. Porém, sem agir especificamente na causa do sobrepeso ou obesidade, o paciente voltará a engordar assim que interromper esse tratamento.

Clique na imagem acima e conheça.

 

 

 

As informações são da Gazeta do Povo

 

* Imagem divulgação internet

Deixe uma resposta

Contato

Descreva-nos a sua necessidade preenchendo o formulário abaixo. Responderemos seu chamado em até 24 horas.